Sectores de Desenvolvimento

Um pequeno Estado insular africano como Cabo Verde encontra enormes barreiras ao seu desenvolvimento. Não só as suas localidades e as suas gentes se encontram separadas por quilómetros de mar, o que encarece e dificulta a distribuição de bens e a deslocação de pessoas, como também enfrentam, nas dez ilhas, as agruras de (sobre)viver num território com uma fauna e uma flora muito limitadas e onde a água, de tão rara, é um líquido mais do que precioso.

Apesar de tudo o que não há e que faz muita falta, Cabo Verde não se deixou, em nenhum momento da sua história, abater pelas dificuldades. Com tenacidade e um exemplar espírito de sacrifício, os cabo-verdianos conseguiram tornar este arquipélago, onde o sol brilha todo o ano, num modelo a seguir em áreas como a governação electrónica e a equidade de gênero.

Para se tornar um país de desenvolvimento médio, segundo a categoria das Nações Unidas, Cabo Verde contou com um trunfo imbatível: o seu capital humano.

É verdade que o país tem ainda muitas carências, mas os seus homens e mulheres preferem encarar as vicissitudes como um desafio a ultrapassar com excelência. É esta forma de estar na vida - em que as fasquias se colocam bem alto - que vem contribuindo para o desenvolvimento integrado e paulatino dos diversos sectores econômicos e sociais do país.

Copyright © 2019 Cabo Verde Development Gateway. Todos os direitos reservados.
Joomla! software livre. Licença GNU GPL.